Alunos do Cotec Móvel recebem a visita do ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes.

Atividades e palestras marcam a 16ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia nas unidades de ensino geridas pelo Ibraceds

Trailer do Mel e Cotec Móvel foram alguns dos destaques desta edição do evento

Durante a última semana, alunos e a comunidade em geral puderam participar de atividades, palestras e wokshops nos Itegos e Cotecs espalhados por todo o Estado de Goiás.  As ações fizeram parte da 16ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que trabalhou o tema “Bioeconomia: Diversidade e Riqueza para o Desenvolvimento Sustentável” nas escolas públicas e unidades de ensino profissional do país.

Uma unidade do Cotec Móvel foi instalada na “Avenida da Ciência – Mundo MCTIC”, exposição realizada no Parque da Cidade, em Brasília, que reuniu todas as entidades vinculadas ao Ministério de Ciência e Tecnologia em um espaço interativo com o objetivo de mostrar a ciência que é feita no Brasil.

Lá, os visitantes puderam participar de uma oficina sensorial para aguçar os cinco sentidos do corpo e estimular a percepção dos alimentos, além de palestras e apresentação dos cursos e da metodologia usada pela Rede Itego. O laboratório recebeu ainda a visita do ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, que conheceu um pouco do trabalho e se divertiu com os alunos presentes.

Os alunos do Itego de Cristalina conheceram o projeto Agrinho, realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). “Apresentamos uma mostra de uma iniciativa bem-sucedida e que tem desenvolvido de forma correta a energia solar no município e região”, ressaltou a diretora da unidade, Josiane Fonseca.

Geridas pela Organização Social Ibraceds, as unidades de ensino da Rede Itego, dos municípios de São Domingos, Mara Rosa, Uruaçu, Novo Gama, Cidade Ocidental, Cavalcante, Luziânia, Flores de Goiás, Planaltina de Goiás e a Comunidade São Bartolomeu, também realizaram ações que incentivam o desenvolvimento da tecnologia e a inovação no Estado.

O Trailler do Mel passou pelas cidades de Mara Rosa e Uruaçu apresentando a todos a tecnologia usada para a produção do mel e ainda a fabricação da cera alveolada.

O tema da SNCT também foi desenvolvido com palestras e atividades educacionais no Itego Genervino Evangelista da Fonseca, em Cristalina. Nos institutos Maria Sebastiana da Silva, em Porangatu, Sarah Luísa Lemos Kubitschek de Oliveira, em Santo Antônio do Descoberto, e no Carmem Dutra de Araújo, em Formosa, as atividades ocorrem durante toda esta semana. O trailer do Mel já em Porangatu para participar do evento, juntamente com os alunos do curso técnico em nível médio em Agricultura.

Para o presidente do Ibraceds, Antonio Almeida, a propagação da tecnologia é importante para aprimorar o conhecimento dos alunos e prepará-los para um futuro bem próximo com qualidade profissional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *