IBRACEDS

Contate-nos por email contato@ibraceds.org.br

ESPORTES

ESPORTES

A prática esportiva é um caminho para o desenvolvimento integral do ser humano e deve ser estimulada como oportunidade de estabelecer relações de vínculo e amizade, construção e compartilhamento de conhecimento, além de instrumento de ensino e aprendizagem, incorporando atividades físicas, esportes e lazer aos hábitos de vida saudável.

COMO A PRÁTICA ESPORTIVA CONTRIBUI PARA O DESENVOLVIMENTO HUMANO E A QUALIDADE DE VIDA

Os esportes são vistos e tidos como um direito do cidadão, mas é preciso viabilizar o acesso e a orientação necessária para que a prática esportiva contribua da melhor forma possível para o desenvolvimento humano e para melhorias nas condições de saúde física e mental dos indivíduos. Para isso, os educadores têm função preponderante, porque são eles que podem e devem introduzir inovações pedagógicas de ensino e aprendizagem em esportes, levando crianças, jovens e adultos a um estágio superior de saúde e qualidade de vida.

Questões inerentes ao esporte vão além do conhecimento de regras dos jogos. Residem nas práticas esportivas as informações e o conhecimento sociológico, antropológico, psicológico, cultural, étnico-racial e outros que fazem dos esportes uma oportunidade de aprender, de se relacionar e desenvolver competências socioemocionais ao longo da vida. O papel do esporte na sociedade moderna é complexo e muitas vezes é confundido com a sua mercantilização por meio de competições que atraem grandes públicos, altos investimentos e geram enormes faturamentos. O lado valoroso dessa moeda estampa a figura do desportista como um vencedor frente à superação de desafios para alcançar o sucesso pessoal e profissional.

ESPORTES COMO FATOR PREPONDERANTE DE MUDANÇAS

Devido às suas características, a prática esportiva revela uma maneira lúdica de aprender mais a cada dia, tanto como resultado de uma orientação oferecida por educador ou como iniciativa individual cuja recompensa multiplica ganhos à saúde. Nosso esforço no incentivo aos esportes coletivos e individuais situa-se em:

  • Promover a saúde e a qualidade de vida dos cidadãos e das comunidades;
  • Mobilizar a participação de crianças, jovens, adultos e idosos;
  • Desenvolver qualificação e competências de relacionamento e trabalho em equipe;
  • Aumentar a autoestima por via da prática esportiva;
  • Executar e integrar às atividades de esportes e lazer à cultura de paz.

Esportes e práticas esportivas são direitos humanos que devem ser respeitados e incentivados em todo o mundo, porque são reconhecidamente instrumentos de desenvolvimento humano e cultura de paz.
Wilfried Lemke, Conselheiro da ONU sobre Esportes para a Paz e o Desenvolvimento

FORTALECIMENTO DA COMUNIDADE VIA ESPORTES

A atração de crianças, jovens, adultos e idosos à prática de diversas modalidades esportivas engloba estratégias de sensibilização e mobilização verticais e horizontais, fazendo parte da ação de governos e do fortalecimento das comunidades em busca da melhoria da qualidade de vida e saúde dos cidadãos. A fim de priorizar projetos desenhados para que sejam inclusivos, destacam-se os seguintes parâmetros em nossas propostas:

  • Engajamento de participantes a partir do fortalecimento das relações comunitárias;
  • Promoção de valores morais, cívicos e educacionais associados aos esportes;
  • Qualidade e integralidade das iniciativas formais e não-formais que induzam à prática esportiva;
  • Construção de parcerias para a criação e a execução de projetos sustentáveis.