IBRACEDS

Contate-nos por email contato@ibraceds.org.br

Itego discute ações para o fomento de Arranjos Produtivos Locais em Porangatu

Os arranjos produtivos locais (APLs), presentes em 2.175 municípios brasileiros, são responsáveis por mais de três milhões de empregos diretos em 59 setores da economia brasileira

O Instituto Tecnológico do Estado de Goiás (Itego) Maria Sebastiana da Silva de Porangatu, em parceria com a Administração Municipal, Sindicato Rural e a Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater), realiza nesta terça-feira, 12, às 9h30, na sede da instituição, uma reunião para discutir o planejamento estratégico da atividade leiteira no Norte do Estado, demandas e anseios dos produtores e do mercado de trabalho vinculados ao Arranjo Produtivo Local (APL).

Os APLs são agrupamentos de empresas que visa melhorar o desempenho produtivo e ajudar no desenvolvimento da economia regional. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), os 677 arranjos produtivos locais, presentes em 2.175 municípios brasileiros, são responsáveis por mais de três milhões de empregos diretos em 59 setores da economia brasileira.

Os Colégios e Institutos Tecnológicos têm como principal demandante o setor empresarial. Os cursos oferecidos pelas instituições da Rede Itego, são planejados de acordo com as necessidades apresentadas pelos APLs. As reuniões são constantes em todo Estado e a parceria promove o fortalecimento do comércio e a qualificação da população.

Atualmente em Porangatu, são oferecidos cerca de 40 cursos gratuitos de educação profissional presenciais e a distância que capacitam o aluno para a inserção no mercado de trabalho. Mais de 1.300 alunos já foram beneficiados com cursos voltados para o mercado na região.

Desde a reformulação da Rede Itego, em julho deste ano, a gestão compartilhada das unidades com organizações sociais tem gerado resultados positivos. Somente em novembro, mais de 3 mil vagas foram criadas com a inauguração de seis Colégios Tecnológicos e 1 Itego administrados pela Organização Social Ibraceds.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *